Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Morte de blogueiro faz 2 anos com acusados presos e testemunha desaparecida - Rádio Litoral FM


No comando: PLAYLIST

Das 6:00 às 10:00

No comando: Roberto Carlos e amigos

Das 6:30 às 7:00

No comando: Madrugada Litoral

Das 00:00 às 06:00

No comando: Manhã Litoral

Das 06:00 às 6:30

No comando: Sábado Litoral

Das 06:00 às 10:00

No comando: Bom Dia Litoral

Das 07:00 às 11:00

No comando: Só se for Samba

Das 10:00 às 13:00

No comando: Rádio Show Litoral

Das 11:00 às 15:00

No comando: Sucesso da Hora

Das 13:00 às 14:00

No comando: Litoral do Seu Jeito

Das 15:00 às 18:00

No comando: PLAYLIST

Das 16:00 às 19:00

No comando: PLAYLIST

Das 16:00 às 20:00

No comando: TOP 10

Das 18:00 às 19:00

No comando: Top World

Das 19:00 às 20:00

No comando: Balada Mix Litoral

Das 19:00 às 21:00

No comando: Litoral Light

Das 19:00 às 21:00

No comando: Domingo Litoral

Das 20:00 às 00:00

No comando: Disco Night

Das 20:00 às 22:00

No comando: Litoral na Pressão

Das 21:00 às 22:00

No comando: Voz do Brasil

Das 21:00 às 22:00

No comando: Love Times Litoral

Das 22:00 às 23:59

Morte de blogueiro faz 2 anos com acusados presos e testemunha desaparecida

Foto: Divulgação

 

O assassinato do blogueiro Léo Pinheiro, completa dois anos besta sexta-feira… O proprietário da página “A Voz Araruamense”, foi executado a tiros, no dia 13 março de 2020, às 15h30, numa rua de Bananeiras no momento em que gravava um vídeo.
Cleisener Brito, o Kekei e o ex-PM Alan Marques estão presos acusados do crime motivado por briga política. Léo era candidato a vereador, cargo que também seria disputado pela mulher do ex-policial.
A principal testemunha do caso, o pedreiro José Roberto Pereira, desapareceu após contar a polícia que no dia do crime estava trabalhando na casa de Cleisener quando Alan chegou num Fiat Palio chamando o patrão para matar alguém. Ele disse, ainda, ter ouvido os dois, ao retornarem, comentar como mataram Léo com três tiros na cabeça.

Deixe seu comentário:

Curta no Facebook