Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Fábio do Pastel vai dar cheque em branco ao Grupo Salineira - Rádio Litoral FM


No comando: PLAYLIST

Das 6:00 às 10:00

No comando: Roberto Carlos e amigos

Das 6:30 às 7:00

No comando: Madrugada Litoral

Das 00:00 às 06:00

No comando: Manhã Litoral

Das 06:00 às 6:30

No comando: Sábado Litoral

Das 06:00 às 10:00

No comando: Bom Dia Litoral

Das 07:00 às 11:00

No comando: Só se for Samba

Das 10:00 às 13:00

No comando: Rádio Show Litoral

Das 11:00 às 15:00

No comando: Sucesso da Hora

Das 13:00 às 14:00

No comando: Litoral do Seu Jeito

Das 15:00 às 18:00

No comando: PLAYLIST

Das 16:00 às 19:00

No comando: PLAYLIST

Das 16:00 às 20:00

No comando: TOP 10

Das 18:00 às 19:00

No comando: Top World

Das 19:00 às 20:00

No comando: Balada Mix Litoral

Das 19:00 às 21:00

No comando: Litoral Light

Das 19:00 às 21:00

No comando: Domingo Litoral

Das 20:00 às 00:00

No comando: Disco Night

Das 20:00 às 22:00

No comando: Litoral na Pressão

Das 21:00 às 22:00

No comando: Voz do Brasil

Das 21:00 às 22:00

No comando: Love Times Litoral

Das 22:00 às 23:59

Fábio do Pastel vai dar cheque em branco ao Grupo Salineira

Foto: Divulgação

 

O prefeito de São Pedro da Aldeia, Carlos Fábio da Silva, o Fábio do Pastel, encaminhou a Câmara de Vereadores Projeto de Lei que autoriza a concessão de subsídio tarifário ao Serviço de Transporte Público Coletivo Urbano do Município. Caso seja aprovado o projeto autoriza o governo a dar um cheque em branco ao Grupo Salineira para garantir a manutenção da Viação São Pedro no município.
O projeto, que visa assegurar o reequilíbrio econômico-financeiro contratual não estabelece um valor para o subsídio a empresa. De acordo com o artigo terceiro, o valor mensal do subsídio será baseado no valor apurado de prejuízo de custo operacional da concessionária, despendido no mês, que deverá ser demonstrado por planilha, no mês subsequente.
Os pagamento, segundo o projeto, ocorrerão até o quinto dia após a notificação da empresa do valor necessário ao reequilíbrio econômico do contrato de concessão referente ao mês anterior. O primeiro pagamento, de abril, deverrá ser efetuado no dia 1º de maio.
O prefeito aldeense diz que o subsídio é necessário uma vez que se detectou, a partir dos custos apresentados pelo Grupo Salineira que para manter a prestação do serviço, diante da quantidade de passageiros, seria necessário elevar o preço da passagem dos atuais R$ 4,30 para R$ 10,76.
O projeto também não estabelece o período de pagamento do subsídio já que inicialmente, o governo e a empresa tinham acordado que a Viação São Pedro voltaria a operar na cidade, depois da interrupção do serviço e da atuação desastrasa da V-7, pelo periodo de seis meses até a realização de uma nova concorrência pública para concessão do serviço.
A Auto Viação São Pedro, de acordo com dados da própria empresa, transporta 79 mil passageiros por mês. Desse total, 45% são gratuidades e 55% pagantes. A empresa atua com nove ônibus e 30 empregados.
Em nota ao anunciar o encerramento das atuvidades na cidade, no início do mês, a empresa culpou a concorrência “desleal e predatória” pela crise, agravada pela pandemia COVID-19 que provocou uma diminuição drástica no número de passageiros e comprometeu seriamente o sistema que possui altos custos, inviabilizando a sobrevivência da empresa.

Deixe seu comentário:

Curta no Facebook