Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

DC aprova nomes de Glaidson e comparsa para disputar eleições - Rádio Litoral FM


No comando: PLAYLIST

Das 6:00 às 10:00

No comando: Roberto Carlos e amigos

Das 6:30 às 7:00

No comando: Madrugada Litoral

Das 00:00 às 06:00

No comando: Manhã Litoral

Das 06:00 às 6:30

No comando: Sábado Litoral

Das 06:00 às 10:00

No comando: Bom Dia Litoral

Das 07:00 às 11:00

No comando: Só se for Samba

Das 10:00 às 13:00

No comando: Rádio Show Litoral

Das 11:00 às 15:00

No comando: Sucesso da Hora

Das 13:00 às 14:00

No comando: Litoral do Seu Jeito

Das 15:00 às 18:00

No comando: PLAYLIST

Das 16:00 às 19:00

No comando: PLAYLIST

Das 16:00 às 20:00

No comando: TOP 10

Das 18:00 às 19:00

No comando: Top World

Das 19:00 às 20:00

No comando: Balada Mix Litoral

Das 19:00 às 21:00

No comando: Litoral Light

Das 19:00 às 21:00

No comando: Domingo Litoral

Das 20:00 às 00:00

No comando: Disco Night

Das 20:00 às 22:00

No comando: Litoral na Pressão

Das 21:00 às 22:00

No comando: Voz do Brasil

Das 21:00 às 22:00

No comando: Love Times Litoral

Das 22:00 às 23:59

DC aprova nomes de Glaidson e comparsa para disputar eleições

Foto: Divulgação

 

A Democracia Cristã aprovou os nomes do ex-garçon Glaidson Acácio dos Santos, como candidato ao cargo de deputado federal e do comparsa dele, Vicente Gadelha Rocha Neto, para concorrer a deputado estadual nas eleições de outubro.
Glaidson está preso e responde por fraude contro sistema financeiro e assassinato. Ele vai concorrer com o número 2710 na urna eletrônica. A defesa diz que, apesar de preso, o “Faraó dos Bitcoins” não tem sentença transitada em julgamento nem em primeira instância o que garante a ele o direito de concorrer.
Vicente Gadelha Rocha Neto, que terá o número 27010 na urna eletrônica é um dos réus indiciados por crimes contra o sistema financeiro nacional, entre outros delitos. Ele era o responsável, de acordo com as investigações da Polícia Federal, pela expansão da estrutura criminosa para o Nordeste e teria recebido R$ 37 milhões de Glaidson ou da GAS entre 2018 e 2020 e chegou a abrir contas em Dubai.
Em um site na internet ele se diz vítima de injustiça, pede doações em dinheiro e lembra a trajetória de vida desde o sertão da Paraíba até região onde vendia óculos na Praia do Forte, em Cabo Frio, e nas praias de Arraial e Búzios.
A Democracia Cristã vai integrar a coligação “Rio Mais Forte” em apoio a reeleição do governador Cláudio Castro. A convenção aconteceu segunda-feira e, de acordo com a ata, também homologou o nome do deputado Cabofriense subtenente Mauro Bernardo para disputar a reeleição para deputado estadual.

Deixe seu comentário:

Curta no Facebook