Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Chieppe se reúne com moradores para debater Hospital de São Vicente - Rádio Litoral FM


No comando: PLAYLIST

Das 6:00 às 10:00

No comando: Roberto Carlos e amigos

Das 6:30 às 7:00

No comando: Madrugada Litoral

Das 00:00 às 06:00

No comando: Manhã Litoral

Das 06:00 às 6:30

No comando: Sábado Litoral

Das 06:00 às 10:00

No comando: Bom Dia Litoral

Das 07:00 às 11:00

No comando: Só se for Samba

Das 10:00 às 13:00

No comando: Rádio Show Litoral

Das 11:00 às 15:00

No comando: Sucesso da Hora

Das 13:00 às 14:00

No comando: Litoral do Seu Jeito

Das 15:00 às 18:00

No comando: PLAYLIST

Das 16:00 às 19:00

No comando: PLAYLIST

Das 16:00 às 20:00

No comando: TOP 10

Das 18:00 às 19:00

No comando: Top World

Das 19:00 às 20:00

No comando: Balada Mix Litoral

Das 19:00 às 21:00

No comando: Litoral Light

Das 19:00 às 21:00

No comando: Domingo Litoral

Das 20:00 às 00:00

No comando: Disco Night

Das 20:00 às 22:00

No comando: Litoral na Pressão

Das 21:00 às 22:00

No comando: Voz do Brasil

Das 21:00 às 22:00

No comando: Love Times Litoral

Das 22:00 às 23:59

Chieppe se reúne com moradores para debater Hospital de São Vicente

Foto: Divulgação

 

O secretário de estado de saúde, Alexandre Chieppe se reúne com integranntes do Movimento Desperta São Viocente, Saúde é vida, na próxima segunda-feira, às 10h por vifeoconferência para desicutir o fechamento dos leitos do Hospiital de São Vicente de Paulo determinado pela prefeita Lívia Bello, a Lícia de Chiquinho. A reunião contrá também com a participação dos integantes da Comissão de Saúde da Assembléia Legilativa do Estado, deputada Martha Rocha.
A minformação foi confiramada pelo diretor de comunicação do movimento, Geraldo Martins. Moradores da localidade estão se mobilizando contra a decisão da prefeita desde que descobriram que o Hospital que resposnavelç pelo atendimento de mais de 30 mil pessoas do distrityo e das localidades vizinhas, foi rebaixado a policlícia. O.fechamento dos leitos foi aprovado pelo Conselho Municipal de Saúde de Araruama, sem uma visita técnica a unidde e sem discutir com a popuilação.
A presidente do Conselho de Saúde, Lucia Vianna, durante reunião promovida pelo Movimento Acorda São Vicente, esta semana. também revelou que a decisão de desativar os leitos é antiga mas foi adiada pelo governo não prejudicar a reeleição da prefeita Lívia de Chiquinho. Questionada sobre os motivos que levaram a aprovação da medida pelo governo, Lucia se limitou a dizer que a maioria dos integrantes concordou com a mudança por considerar que o Hospital Juqueline Prates, no centro, tem mais recursos.
Geraldo Martins diz que o Hospital de São Vicente de Paula não perdeu apenas os leitos mas, também, uma série de serviços desde que a prefeita Lívia de Chiquinho assuimiu o govrmas ele destacada dois: o serviço de fisioterapia e o de internaçãpo de doenças infecto-contagiosas, que era referência na região. diz que o impacto da desativação dos leitos não será pequeno e prevê o caos na saúde.
— Ultimamente, eram disponibilizados pouco mais de 20 leitos de enfermaria de clínica médica. Ocorre que, o outro hospital municipal, o Jaqueline Prates, oferta apenas 16 leitos para todo o município, com quase 140 mil habitantes. Se com o hospital de São Vicente a oferta de leitos já era insuficiente, agora o caos reina na saúde pública araruamense, alertou.
Esta semana, o Movimento reuniu moradores para discutor o problema e, apesar de convidados, a prefeita Lívia Bello, a secretária de Saúde do município, Ana Paula Bragança Corrêa e o presidente da Cãmara, vereador Júlio César dos Santos Coutinho, que é de São Vicente de Paulo, não compareceram para conversar com a população.
— A reunião foi um dos maiores eventos democráticos já ocorrido em nosso distrito. A sociedade vicentina compareceu em massa no templo e na área externa do mesmo. A reunião se deu de forma ordeira e muito participativa, tanto da mesa quanto da platéia. Infelizmente, apesar de serem oficiados, não compareceram: a prefeita, a secretária de saúde e o presidente do legislativo. Entretanto, atenderam nossa solicitação os vereadores Márcio de Oliveira, presidente da Comissão de Saúde da Câmara Municipal e a Vereadora Penha Bernardes., destaca Gealdo.
Os moradores agora querem que a Comissão de Saúde da Assembléia realize uma visita técnica ao Hoispital e promova uma dudiêncioa pública na Câmara de Araruama para discutir o assunto. Os moradores, ao mesmo tempo, prometem impetrar uma medida cautelar na justiça para impedir a desativação dos leitos e organizam para o próximo domigop, 29, uma grande manifestação popular no distrito com passeata seguida de vai abraço ao Hospital.

Deixe seu comentário:

Curta no Facebook