Preencha os campos abaixo para submeter seu pedido de música:

Augusto Ariston lança campanha ‘Vacina Já’ e pede ação contra fome - Rádio Litoral FM


No comando: Madrugada Litoral

Das 00:00 às 06:00

No comando: Manhã Litoral

Das 06:00 às 07:00

No comando: Bom Dia Litoral

Das 07:00 às 11:00

No comando: Só se for Samba

Das 10:00 às 13:00

No comando: Rádio Show Litoral

Das 11:00 às 15:00

No comando: Sucesso da Hora

Das 13:00 às 14:00

No comando: Litoral do Seu Jeito

Das 15:00 às 18:00

No comando: Top 10

Das 18:00 às 19:00

No comando: Top World

Das 19:00 às 20:00

No comando: Balada Mix Litoral

Das 19:00 às 21:00

No comando: Litoral Light

Das 19:00 às 21:00

No comando: Domingo Litoral

Das 20:00 às 00:00

No comando: Disco Night

Das 20:00 às 22:00

No comando: Litoral na Pressão

Das 21:00 às 22:00

No comando: Love Times Litoral

Das 22:00 às 00:00

Augusto Ariston lança campanha ‘Vacina Já’ e pede ação contra fome

Foto: Reprodução Facebook

O fundador da Rádio Litoral FM, o advogado Augusto Ariston, fez um apelo, nesta quarta-feira, para que os prefeitos da região agilizem a compra de vacinas e imunizem a população diante do agravamento da pandemia.
Augusto Ariston, que lançou a campanha “Vacina Já”, também conclamou a população, igrejas e clubes de serviços a combater um dos mais cruéis efeitos da pandemia, a fome.
O fundador da Litoral FM classificou de “ínfima e desprezível” o número de vacinados em Cabo Frio até o momento – 17.487 pessoas – e defendeu o fim da reserva para segunda dose.
— Eu estou muito preocupado com a nossa região dos Lagos e esse é um movimento de ação. Nós precisamos vacinar a população da região. Estamos tratando com vidas humanas. Todo o resto é detalhe. Nós precisamos comprar essas vacinas e vacinar o povo, disse o advogado em participação no programa B om Dia Litoral, apresentado pelo comunicador Ricardo Sanches.
Ariston disse que os prefeitos, secretários e os deputados, estaduais e federais devem sair como embaixadores da região em busca de vacina. Ele também considerou uma “piada” a imunização na cidade ocorrer em apenas três dias da semana.

— Nós temos que usar essa reserva para segunda dose aplicando a primeira dose e vamos sair por aí pedindo, implorando as pessoas para que cumpram as suas obrigações e nos forneçam vacinas, destacou.
Augusto Ariston lembrou, ainda, que é preciso combater a fome nesse momento de crise sanitária. Ele conclamou Igrejas, Clubes de Serviços e a Sociedade a promover campanhas de doação e distribuição de alimentos.
O fundador da Litoral FM também pediu que a população seja responsável, use máscara e evite aglomerações para conter a propagação do vírus antes que a região, alertou, vire um deserto de gente.

Deixe seu comentário:

Curta no Facebook